br23_Cidade Vivida | Cidade Sonhada_São Paulo

maio 2014

Exposição organizada pelo arquiteto Eduardo Pimentel Pizarro (FAUUSP) traz desenhos de crianças moradoras da Favela de Paraisópolis, segunda maior comunidade da cidade.

 

Qual a cidade em que vivem? Qual a cidade com que sonham? Crianças, de 8 a 11 anos, estudantes da Escola pública municipal CEU Paraisópolis, responderam a essas perguntas por meio de uma série de desenhos sobre o lugar no qual gostariam de viver e estar.

 

As obras expostas são resultado de uma atividade proposta pelo pesquisador Eduardo Pizarro, vencedor do Prêmio Jovem Cientista 2012,  como parte de sua pesquisa de mestrado na USP em torno dos espaços livres de Paraisópolis:

 

“Os desenhos das crianças tocam em aspectos urbanos, o que é interessante para a pesquisa, mas, em diversos momentos, trazem também insinuações sociais”

 

“De modo específico, o objetivo é, a partir da leitura da expressão plástica de crianças, discutir o presente e o futuro dos assentamentos precários e da cidade de São Paulo como um todo. Elas contrapõem a cidade em que vivem e a cidade com que sonham, suscitando um debate sócio-urbano acerca do presente e do futuro da metrópole de São Paulo.”

 

Please reload